Tags

Posts Relacionados

Compartilhe

Conheça uma opção incrível e econômica para conhecer a América do Sul ainda em 2015

Estudantes de Comunicação Social em visita a Buenos Aires, no primeiro semesre do.

Estudantes de Comunicação Social em visita a Buenos Aires, no primeiro semesre do ano

Aliando visitas, atividades acadêmicas e culturais, ONG Opção Brasil lança seus programas de intercâmbio previstos para novembro e dezembro.

A organização, sediada em São Caetano do Sul/SP, tem como objetivo aprofundar os laços entre os países da América Latina através das atividades realizadas, entre elas os programas de intercâmbio. Os destinos lançados para os próximos meses são Córdoba e Buenos Aires – Argentina, e Lima, no Peru.

A agenda dos programas é composta por uma programação de 6 dias de visitas a instituições relacionadas com a formação acadêmica, cultural e humana dos participantes. Neste ano, a enviou ao Uruguai e Argentina e recebeu no Brasil em seus programas cerca de 95 pessoas, que na sua maioria voltam bastante felizes com a experiência de intercâmbio cultural e de conhecimento vividas 

A estudante de jornalismo da FMU, Letícia Rubira, diz que “a viagem demonstrou comprometimento de cada participante, teve uma entrega generalizada e uma troca incessante, foi um grande passo que agregou imensamente na minha graduação, mas principalmente na minha vida, a vivência com outra língua e outra cultura, sem dúvida alguma foi a primeira coisa que coloquei em minha mala no regressar”.

As propostas estão enfocadas para atender estudantes e jovens profissionais de diversas áreas do conhecimento. Em Córdoba e Buenos Aires, as visitas ocorrerão entre os dias 16 e 21 e 23 até 28/11, respectivamente, e estão destinadas às áreas de Comunicação Social, Arquitetura, Design de Interiores e Decoração,

Na cidade de Lima, capital do Peru, serão realizadas outras 2 visitas, a primeira entre 6 e 12 de dezembro voltada a pessoas interessadas em uma vivência cultural e em temas como Artes, História do povo Inca, Antropologia, Arqueologia e Arquitetura, O segundo grupo, que estará no país entre 14 e 19 de dezembro, está direcionado a interesssados em conhecer esse que é um dos países latino-americanos com maiores taxas de crescimento anual da região, e receberá pessoas vinculadas às áreas de Comércio Exterior, Negócios e Relações Internacionais.

O custo para a participação é de 300 dólares, pagos a vista ou parcelado, e inclui, além da programação apresentada, a hospedagem, com café da manhã, todo o transporte necessário no país de destino desde o aeroporto, ida e volta, e a certificação oferecida pela Opção Brasil e a AUALCPI – Associação de Universidades da América Latina e Caribe pela Integração.

O contato com a Opção Brasil pode ser feito através do telefone 11 2759-0390 ou pelo e-mail [email protected]

Seguem abaixo os links que apresentam  cada programa:

  • Buenos Aires, Argentina (Arquitetura) – 23 a 28 de novembro:

http://www.intercambios.opcaobrasil.org/index.php/visitas-academicas-2015/buenos-aires-argentina-arquitetura-23-a-28-de-novembro

  • Lima, Peru, 6 a 12 de dezembro – Programa Cultural (Artes, História, Antropologia, Arqueologia e Arquitetura):

http://www.intercambios.opcaobrasil.org/index.php/visitas-academicas-2015/peru-cultural-06-a-12-de-dezembro

  • Lima, Peru, 14 a 19 de dezembro (Comércio exterior, ADM, Negócios e Relações Internacionais):

http://www.intercambios.opcaobrasil.org/index.php/visitas-academicas-2015/lima-peru-ri-e-negocios-14-a-19-de-dezembro

Opção Brasil

Endereço: Rua Santa Rosa, 96 – São Caetano do Sul/SP

Sobre a Opção Brasil:

A organização foi fundada a partir das ideias da Red Opción Latinoamérica. Esta rede teve sua origem em 1991, quando um grupo de estudantes universitários e professores colombianos começaram a gerar uma forma protagonista de participação social para os jovens daquele país. Assim nascia a Opción Colômbia. A partir de 1998, com o apoio inicial da OEA – Organização dos Estados Americanos, essa proposta foi levada a outros países do nosso continente e chegou ao Brasil em 2001 quando foi fundada em nosso país.